Qualidade e Sustentabilidade

A Iberol tem como missão ser uma referência de excelência em todos os sectores em que actua, alcançar e manter os mais exigentes padrões de Qualidade, em todas os seus processos e áreas de actividade, criando valor para os seus accionistas, satisfazendo a necessidade dos seus clientes e proporcionando aos seus colaboradores o desenvolvimento de competências, conhecimento, criatividade e inovação.

O Compromisso da Iberol é:
  • Garantir a satisfação total dos seus clientes e partes interessadas, identificando as suas necessidades e expectativas, bem como, criar valor e melhorar a sua posição competitiva
  • Desenvolver as pessoas, identificando as competências necessárias para a realização das suas funções e proporcionando condições para um ambiente de motivação e elevado desempenho;
  • • Gerir os processos com informação integrada e de qualidade, suportada em sistemas de informação, para que as decisões sejam tomadas sobre bases factuais e objectivas;
  • Seguir os mais elevados padrões de qualidade, aplicando as normas de referência nos seus processos produtivos, na gestão ambiental e energética, na qualidade e sustentabilidade dos seus produtos, na segurança alimentar e na Segurança no Trabalho.
  • Promover a protecção ambiental, a prevenção e controlo integrado da poluição e a utilização eficiente da energia, optimizando a utilização dos recursos naturais e energéticos melhorando continuamente o seu desempenho;
  • Cumprir estritamente a legislação em vigor, normativas aplicáveis e obrigações de conformidade;
  • Evoluir na aplicação de técnicas de gestão que fomentem a inovação dos produtos e serviços, que permitam responder continuamente às necessidades de mercado;
  • • Estabelecer objectivos mensuráveis de melhoria em todos os seus processos mediante estratégias e planos anuais de actividade e de negócio, definindo as actuações necessárias para atingir os objectivos.
  • Avaliar de forma sistemática os seus Sistemas de Gestão de Qualidade, Ambiente e Segurança, através de auditorias identificando áreas de melhoria e programas correctivos, apoiados na participação de toda a organização.

Melhoria Continua

Na ótica da melhoria contínua dos processos e da mobilização de todos os colaboradores em princípios da qualidade, a empresa decidiu implementar uma metodologia que a auxiliasse nesse sentido. Surgiu, assim, no Plano de Melhoria da Qualidade, a oportunidade de integrar nas atividades diárias e projetos estratégicos da empresa a filosofia Kaizen-Lean.

A implementação desta metodologia na IBEROL iniciou-se em finais do ano de 2014

A implementação desta metodologia na IBEROL iniciou-se em finais do ano de 2014 envolvendo mais de 90% dos seus colaboradores na mudança (Kai) para melhor (Zen).

Esta metodologia é praticada globalmente, sendo indiferente a barreiras linguísticas e educacionais, e é eficaz tanto em indústrias produtoras como em indústrias de serviços, ou seja, é independente da dimensão das organizações. Para além disso, auxilia na otimização dos processos com práticas lean e eliminação de desperdício. Desde o inicio da sua implementação a IBEROL já teve reduções dos seus custos de transformação em mais de 17% e uma redução de custos fixos entre 23-25%.

ISCC

ISCC é um dos principais sistemas de certificação para a sustentabilidade e para emissões de gases de efeito de estura. Em Julho de 2011, a Comissão Europeia reconheceu o ISCC como um dos primeiros esquemas de certificação que demonstra o alinhamento total com os requisitos da Directiva europeia para as Energias Renováveis (RED).

Iberol está certificada por el ISCC desde junho 2012

Certificação ISCC pode ser aplicada para cumprir com os requisitos legais nos mercados de bio energias bem como para demonstrar a sustentabilidade e a rastreabilidade da matéria prima na comida, alimentação animal e industrias quimicas.

A Iberol é certificada pelo ISCC desde Junho 2012, em quase toda a sua cadeia de valor, nomeadamente como primeiro ponto de recolha de matéria prima agrícola, na produção e refinação de óleos vegetais e na fabricação de biodiesel e, igualmente na generalidade dos produtos com que trabalha, designadamente colza, girassol, soja, palma, óleos alimentares usados e gordura animal de categorias 1, 2 e 3.

HACCP

O HACCP é uma sigla internacionalmente reconhecida para Hazard Analysis and Critical Control Point ou Análise de Perigos e Controlo de Pontos Críticos.

HA = Análise de perigos CCP = Pontos Críticos de Controlo HAZARD = Perigo

O sistema de Análise de Perigos e Controlo de Pontos Críticos (HACCP) tem na sua base uma metodologia preventiva, com o objectivo de poder evitar potenciais riscos que podem causar danos aos consumidores, através da eliminação ou redução de perigos, de forma a garantir que não estejam colocados, à disposição do consumidor, alimentos não seguros.

O sistema HACCP baseia-se na aplicação de princípios técnicos e científicos na produção e manipulação dos géneros alimentícios desde "o prado até ao prato".

Actualmente a população portuguesa preocupa-se, cada vez mais, com os benefícios de uma dieta alimentar equilibrada e saudável, exigindo alimentos com e de qualidade. Assim sendo, é necessário assegurar a qualidade dos produtos alimentares para conquistar a confiança dos consumidores.

O HACCP foi desenvolvido como um método simples para assegurar a produção de alimentos seguros para o consumidor, mas só à relativamente poucos anos é que as empresas portuguesas começaram a acreditar no potencial deste sistema.

Essencialmente, este sistema envolve um estudo aprofundado das matérias-primas, das condições de processamento, manuseamento, armazenamento e expedição, possibilitando a identificação de áreas sensíveis que induzam a uma situação de perigo inaceitável.

O sistema HACCP é o método mais eficaz de maximizar a segurança do produto. (Mortimor e Wallace, 1994)

ISO 9001

A nova versão da norma A ISO 9001 é a norma de sistemas de gestão mais utilizada mundialmente, constituindo-se como referência internacional para a Certificação de Sistemas de Gestão da Qualidade.
A nova versão da ISO 9001 foi publicada a 15 de setembro de 2015.

A adoção de um Sistema de Gestão da Qualidade é, segundo a ISO 9001, uma decisão estratégica da Organização, ou seja, tomada ao mais alto nível de decisão para servir um propósito específico e obter resultados.

A ISO 9001 lida com o propósito fundamental da existência de uma Organização ao focar na capacidade de satisfazer as necessidades e expectativas dos clientes, aumentar a sua satisfação e melhorar o desempenho global da Organização. Contribui para o pilar económico da sustentabilidade, o que por sua vez permite à Organização ter a capacidade e os meios para outras iniciativas de sustentabilidade.

A ISO 9001 adota a abordagem por processos, que incorpora o ciclo PDCA de melhoria contínua e integra o pensamento baseado em risco.

A Iberol obteve a certificação ISO 9001 em 2004.

ISO 14001

La ISO 14001 es la norma internacional para un sistema de gestión de calidad medioambiental (SGA). Una norma que ayuda en la identificación, la prioridad y la gestión de los riesgos medioambientales y que forma parte de las prácticas habituales de negocio de una empresa. La norma se basa en gran parte en la norma da calidad, pero tiene en cuenta también los impactos medioambientales.

Benefícios da ISO 14001
  • Demonstração de compromisso – mostra publicamente o compromisso ambiental da sua empresa e ajuda a assegurar que o seu desempenho é gerido e melhorado.
  • Reduzir custos – ajuda na melhor utilização dos seus recursos, que pode reduzir os custos.
  • Gestão da reputação da sua empresa – irá reduzir os custos ou danos à sua reputação associados com limpezas ou litígios.
  • Tornar-se um fornecedor preferencial – possibilita que a sua empresa trabalhe com empresas que dão prioridade a organizações ambientalmente amigáveis.

A Iberol obteve a certificação ISO 14001 em 2004.

Decreto-Lei número 150/2015, de 5 Agosto, estabelece as obrigações a serem cumpridas pelos operadores do estabelecimento, para impedir perigos e limitar consequências sérias de acidentes implicando substâncias perigosas. Cumprindo com os termos do nr.1 do artigo 30 respeitante à obrigação dos Operadores de manter permanentemente disponível ao público, concretamente em formato electrónico, a informação que faz parte do Anexo VI do Decreto-Lei nº 150/2015, a Iberol disponibiliza a seguinte informação:

IInformação a comunicar ao público no âmbito da Directiva SEVESO